ITAPETINGA: APÓS PRESIDENTE VALQUIRIO CANCELAR VOTAÇÃO PARA ESCOLHA DA NOVA MESA DIRETORA, VEREADORES REALIZAM VOTAÇÃO DEBAIXO DE PÉ DE MANGA, NA ÁREA EXTERNA DA CÂMARA

Uma confusão generalizada tomou conta do plenário Ulisses Guimarães na manhã desta sexta-feira (22) na Câmara de Vereadores de Itapetinga. Tudo isso aconteceu depois que o presidente da casa Valquírio Lima, emitiu um documento cancelando o edital de convocação, expedido pelo seu gabinete na última quarta-feira (20).

Mesmo com o documento publicado no Diário Oficial do município comunicando cancelamento da votação, vereadores  transformaram a casa do povo em um verdadeiro show de horrores.

Com os ânimos acirrados, foi necessário a presença da GM e da Polícia Militar. Incitado pelos edis da base e demais assessores, o vice presidente Anderson Silva até ensaiou abrir a votação, porém sem legitimidade, pois o presidente, que tem prerrogativa de comandar os trabalhos, estava presente no plenário.

Mesmo depois de uma longa reunião, o presidente não cedeu, e inconformados com o cancelamento das eleições antecipadas para escolha do presidente e da mesa diretora, os parlamentares resolveram realizar a votação debaixo de um pé de manga, na área externa da Câmara de Vereadores do município.

Lembrando que essa não é a primeira vez que uma sessão se realiza fora do plenário, em 2019, por imposição da então presidente Naara Duarte (in memória) que mandou fechar as portas da casa, a sessão aconteceu na rua, inclusive o próprio vereador João de Deus era componente da mesa, como 2º secretário.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.