QUEIROGA SE ARREPENDEU DA REALIZAÇÃO DA COPA AMÉRICA, DIZEM INTERLOCUTORES

 (crédito: Evaristo Sa/AFP)

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, tem dito a pessoas próximas que a Copa América não deveria ter sido realizada no país. Os 82 casos confirmados entre integrantes do campeonato, que envolvem infecções de jogadores, equipes técnicas e funcionários que atenderam as delegações no Brasil, preocupam o titular da pasta.

A atenção maior é em relação a funcionários de hotéis que foram infectados. O temor é de que novas cepas do coronavírus tenham ingressado no país. A avaliação dentro do Ministério é de que esses casos entre as equipes esportivas e pessoas que tiveram contato com as delegações aumentem nos próximos dias.

O governo teme que ocorram óbitos entre os infectados. Amostras foram enviadas aos laboratórios para a realização do sequenciamento genético, para identificar as variantes que circulam entre as seleções dos demais países. No entanto, o resultado leva 14 dias, em média, o que dificulta qualquer plano de ação para conter a circulação de uma nova variante.

Fonte/Correio Baziliense

BOLSONARO DESCUMPRE PROMESSAS E CAMINHONEIROS VOLTAM A SE MOBILIZAR

Greve dos caminhoneiros: Justiça proíbe bloqueios na Dutra e da Regis Bittencourt

Quatro meses depois de o governo evitar uma greve nacional de caminhoneiros com promessas de benefícios, dirigentes de entidades que representam os motoristas se dizem decepcionados. Segundo eles, nenhuma das propostas se tornou realidade. Por isso, várias associações e sindicatos da categoria voltam a se mobilizar para reivindicar melhorias. Um dos insatisfeitos é Wallace Landim, conhecido como Chorão, presidente da Associação Brasileira de Condutores de Veículos Automotores (Abrava). “As promessas feitas pelo governo Bolsonaro não foram cumpridas e os caminhoneiros estão em situação pior que 2018”, avaliou Chorão à coluna, referindo-se ao ano em que os motoristas fizeram uma greve que foi apoiada pelo atual presidente da República.

Em nota pública, o presidente da Abrava lista as promessas que não foram postas em prática: prioridade na vacinação contra a covid-19, eliminação de impostos federais sobre o combustível (o governo zerou a tarifa somente em abril e voltou a cobrar em maio), linha de crédito acessível e controle do preço do diesel. Jair Marques, presidente do Sindicato dos Transportadores Autônomos de Três Cachoeiras, no Rio Grande do Sul, confirma que a categoria está decepcionada e trabalhando em condições precárias. “Estamos voltando a nos mobilizar para buscar formas de fazer valer nossas reivindicações”, admite Marques.

Diretor da Confederação Nacional dos Trabalhadores em Transportes e Logística (CNTTL), que tem mais de 800 mil associados, Carlos Alberto Litti é bastante crítico quanto à relação de Bolsonaro com os caminhoneiros. “Queria perguntar o que o presidente Bolsonaro fez pela categoria”, reclama. O dirigente da CNTTL lembra que atualmente o preço do litro do diesel está na média em R$ 4,20 e que o estopim da greve de 2018 foi o valor ter chegado a R$ 2,83, sem botar na conta o valor as trocas de pneu e outros insumos. “Só os fanáticos não enxergam que a situação está dramática”, afirma. Apesar de reconhecer frustração com a tentativa de paralisação feita em fevereiro, que acabou não se concretizando, ele acha “viável” tentar novamente. “Se os caminhoneiros avaliarem que a situação não é ideal é preciso que todos se unam e só tem um caminho, que é a greve”, acredita Litti. “Nenhum governo, seja se esquerda ou direita, se move se não houver alguma pressão”. Há também outra movimentação entre os motoristas para tentar melhorar as condições de trabalho. Nos últimos dias, começou a circular nos grupos de WhatsApp de caminhoneiros uma campanha para que nas próximas eleições seja eleita a “bancada da quinta roda”, ou seja, candidatos a deputados e senadores que sejam oriundos da categoria.

CONTA DE LUZ VAI FICAR 20% MAIS CARA PARA COBRIR ROMBO DE R$ 1,5 BILHÃO

Contas de luz ficarão 20% mais caras

As contas de luz devem ficar mais caras neste ano, diante da pior crise hídrica na região das hidrelétricas dos últimos 91 anos e do acionamento de usinas termelétricas para garantir o fornecimento de energia . A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) vai aumentar os valores das bandeiras tarifárias, uma sobretaxa que é acionada quando o custo da geração de energia sobe.

O patamar mais alto desse sistema deve subir mais de 20%. A conta das bandeiras já registra um rombo de R$ 1,5 bilhão neste ano.

Continua após a publicidade

Em entrevista ao GLOBO, o diretor-geral da Aneel, André Pepitone, disse que os valores ainda não foram definidos, mas a decisão será tomada nas próximas semanas. Leia mais…

[…]

MENINA DE 11 ANOS MORRE DURANTE ROLETA RUSSA EM JEQUIÉ

Menina de 11 anos morre durante roleta-russa em Jequié

 

A polícia investiga a morte de uma adolescente de 11 anos atingida por disparo de arma de fogo na cidade de Jequié, sudoeste da Bahia, na segunda-feira (14). De acordo com as investigações iniciais, ela teria sido vítima de um ‘jogo’ batizado roleta-russa.

Na ocasião, um adolescente que portava a arma se reuniu com quatro amigos e começou a colocar munição no tambor da arma de fogo, rodando-o, efetuando disparos em direção aos adolescentes, repetindo isso por duas vezes sem ocorrer disparo. Quando chegou a vez da menina, a arma disparou atingindo o rosto da vítima, que morreu no local

O autor e um dos amigos são envolvidos com tráfico de drogas na região. A Polícia Militar conseguiu capturar o autor, bem como o amigo e um terceiro homem, que possivelmente escondeu o revólver. 

Todos foram apresentados no plantão da 1ª Delegacia Territorial de Jequié. Guias de perícia e remoção foram solicitados.  

EX-DELEGADO DE ITAPETINGA É ENCONTRADO MORTO DENTRO DO PRÓPRIO CARRO EM SALVADOR

O delegado aposentado, Valdir Barbosa, foi encontrado morto dentro do seu próprio carro na noite deste sábado (12.06) na cidade de Salvador, onde morava. De acordo a polícia, o delegado cometeu suicídio.

Na imagem de 18 de setembro de 2018, Valdir Barbosa aparece ao lado dos radialistas Roberto Alves, Wagner Ribeiro e Jeremias Pereira nos estúdios da rádio Jornal de Itapetinga, onde havia concedido entrevista falando sobre a sua candidatura a deputado estadual naquele ano.

Veja o texto do “Cidade Acontece” publicado na época da entrevista

O delegado aposentado Dr. Valdir Barbosa foi o entrevistado do programa na ‘Hora da Verdade’ na rádio Jornal de Itapetinga na última terça-feira (18). O horário é apresentado pelos radialistas Jeremias Pereira, Roberto Alves e Wagner Ribeiro.

Dr. Valdir se aposentou da sua carreira policial desde 2013 e agora em 2018, filiado ao PPS, lança seu nome para concorrer a uma vaga de deputado estadual na Bahia. Barbosa é conhecido por ter em seu currículo solucionado crimes de repercussão nacional em diversos municípios da Bahia, nas décadas de 70, 80 e 90. 
 
Na sua entrevista, Dr Valdir foi um pouco saudoso e relembrou a sua primeira investigação – quando ainda jovem aos vinte e poucos anos, na década de 70, um crime que ocorrera no Povoado de Palmares, quando o vereador Antônio Sobrinho fora assassinado. De acordo Dr. Valdir, na época, o crime em Palmares foi de característica política.
 
Outros casos também foram abordados como o do sequestrador Leonardo Pareja, (jovem goiano), ocorrido em Feira de Santana (BA), e o sequestro dos netos do já falecido ex-prefeito de Itapetinga, Juvino Oliveira, nos anos 90. O entrevistado chegou a ocupar o cargo de delegado-chefe da Polícia Civil do Estado.
 
O delegado Valdir Barbosa é também escritor  tendo vários livros e artigos publicados. “Surfando em Pipelines” e “Saques e Tiros na Noite” – fatos reais relatando casos policiais tendo um foco forte na Bahia. O papo foi descontraído e teve a participação dos ouvintes. Dr. Valdir prometeu voltar mais vezes ao programa.
 Por Roberto Alves

ITAPETINGA: MORRE SERVIDOR PÚBLICO JOSÉ CLEMENTE, CONHECIDO ZEZÃO

Pode ser uma imagem de 1 pessoa, óculos de sol e oceano

O funcionário público José Antônio Clemente morreu na tarde de quarta-feira(9). Zezão, como era carinhosamente conhecido, sofreu um infarto na noite do último domingo e estava realizando exames no hospital São Vicente em Conquista.

Clemente trabalhava no setor de licitação da Autarquia SAAE. O servidor morava no Quintas do Morumbi e deixa esposa Dra. Jamile e um casal de filhos. A família ainda não informou sobre velório e sepultamento. O clima é de dor e comoção entre familiares e amigos.

Por Wagner Ribeiro

ITAPETINGA: PROFISSIONAIS DA COMUNICAÇÃO ESTÃO SENDO VACINADOS CONTRA A COVID-19

O governo da Bahia colocou os profissionais de comunicação no grupo prioritário a serem vacinados contra a covid-19. Nesta segunda-feira (07.05), em Itapetinga, interior da Bahia, logo pela manhã, alguns profissionais, principalmente do rádio, começaram a tomar a primeira dose da vacina.

Na imagem, os radialistas Roberto Alves Wagner Ribeiro, da FM Cidade, de Itapetinga, aparecem recebendo a primeira dose do imunizante AstraZeneca. Os profissionais estão sendo vacinados no PSF do bairro Clodoaldo Costa.

Além dos profissionais que trabalham em veículos de comunicação, também podem se vacinar as pessoas com idade de 18 anos que possuem comorbidades e deficiência permanente e ainda profissionais de transporte. “Primeira dose, graças a Deus.
Vacina sim”, comemorou Ribeiro.

Por Roberto Alves

ITAPETINGA: MORRE ROQUE BATISTA DO SANTOS, VÍTIMA DA COVID-19

Pode ser uma imagem de 1 pessoa

Com profundo pesar que comunicamos o falecimento de Roque Batista Santos, morador do bairro São Francisco de Assis. De acordo informação, Roque estava internado na UTI do hospital da cidade de Caetité, sudoeste do estado.

Ainda conforme amigos, ele foi internado para se tratar dos sintomas da covid-19, mas, infelizmente, não resistiu e faleceu. Roque era caminhoneiro e irmão do taxista ‘Fofão’.

Por Wagner Ribeiro

GOVERNO BOLSONARO RECUSOU VACINA DA PFIZER A 50% DO VALOR PAGO POR EUA E EUROPA

Governo Bolsonaro recusou vacina da Pfizer a 50% do valor pago por EUA e Europa

O governo federal recusou vacinas da Pfizer no ano passado que custavam metade do valor pago por Estados Unidos, Reino Unido e União Europeia.

Em agosto de 2020, o então ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, considerou os imunizantes caros. Até 70 milhões de doses da vacina poderiam ter sido entregue a partir de dezembro, por US$ 10 cada. As informações são da Folha de S. Paulo.

Nos Estados Unidos e Reino Unido cerca de 40% da população já foi imunizada com duas doses das vacinas. Os dois países pagaram US$ 20 pelas doses da Pfizer, o dobro do valor recusado pelo Brasil.

As primeiras doses da Pfizer só chegaram ao Brasil em abril, oito meses depois da primeira oferta feita pela farmacêutica.

Fonte/BN