SAÚDE ABANDONADA: “POR DESCASO DA SAÚDE DE ITAPETINGA, TIVE QUE ME VIRAR PARA PAGAR CONSULTA PARTICULAR PARA NÃO VER MEU FILHO SOFRER”, RELATA UMA MÃE

Mesmo com a repercussão da matéria do “Fala Livre”, sobre um bebê de 8 meses que não conseguiu passar por um pediatra, nada foi feito pela secretaria de saúde do município pra amenizar o sofrimento da criança. Ela {mãe} procurou o PSF Dr. Arnaldo Teixeira, na semana passada para um tratamento especializado, logo quando começou aparecer “bolhas” no corpo da criança, e lá foi atendida por um médico clínico geral, que fez uma avaliação superficial, mas não deu um diagnóstico preciso e disse que poderia ser efeito do calor, e receitou apenas uma pomada a base de água.

De acordo a mãe da criança, algumas bolhas secaram, mas outras apareceram, daí a necessidade de passar por um pediatra para uma melhor avaliação, através de exames laboratoriais. Esse procedimento de encaminhar o paciente para um pediatra deveria partir do posto da cobertura do bairro, fato que segundo a responsável pela criança não aconteceu.

Nesta segunda-feira (01) a mãe do bebê informou a nossa reportagem, que mesmo sem condições teve que pagar R$ 150 reais, em uma consulta com o pediatra. “Acabei de chegar do pediatra, levei meu filho lá, por causa daquele problema com os caroços. No dia 22 realmente eu passei no posto Dr.Arnaldo Teixeira, 12 de dezembro, porém, O doutor passou 2 pomadas, a pasta d’água e Trok G,  porque ele disse que era calor. E hoje o pediatra falou que não era calor, era uma bactéria que se transformou em alergia. Se eu não tivesse levado no pediatra, poderia ter ocorrido algo mais grave com meu filho, mas graças a Deus ele (pediatra) receitou os remédios certinho, e agora dá tempo ao tempo e com fé em Deus vai ficar bom logo. Criança tem que ser tendida pelo pediatra, esse povo tem que entender isso, não é porque a gente não tem condições, que faz pelo SUS,  que tem que ter esse descaso, disse a mãe da criança.

Enquanto o prefeito gasta milhões com contratos em aluguel de carros, à população fica desamparada, sem o básico na saúde.

De acordo denúncia do vereador Romildo Teixeira (PSL), a bagunça na saúde de Itapetinga tomou esse rumo, porque o prefeito Rodrigo Hagge (MDB) deixou de aplicar R$ 2 MILHÕES REAIS na pasta no ano passado. Prefeitura de Itapetinga sua linda, você em primeiro lugar … NA FALTA DE SAÚDE.

Por Wagner Ribeiro

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.