ARTIGO: ITAPETINGA, 67 ANOS DE EMANCIPAÇÃO POLÍTICA, O QUE COMEMORAR? NA VISÃO DO ELEITOR

Os moradores da cidade de Itapetinga, sudoeste da Bahia, não tiveram motivos para comemorar os 67 anos de emancipação política, pelo menos no quesito GESTÃO PÚBLICA. No dia do aniversário da cidade é comum o gestor presentear a cidade com obras relevantes. Pelo menos foi assim com a maioria dos gestores que antecederam a atual gestão Rodrigo Hagge (MDB) e Renan Pereira (DEM).

O eleitor Valmir Brito Reis, decidiu enviar um artigo ao ‘FALA LIVRE’ no qual lamenta a ausência de motivos para festejar o aniversário de seu município.

Segundo ele, a cidade tem muito potencial, mas falta competência à administração para tocar projetos de desenvolvimento que beneficiem a população.

Acompanhem:

Itapetinga, completou no dia 12/12, 67 anos de Emancipação Política. No auge de sua juventude, com muitos potenciais, com um povo trabalhador e esperançoso, mas infelizmente com pouco a comemorar.

      casa demolida pela prefeitura na Nova Itapetinga, com promessa de reconstruir outra…A imagem pode conter: uma ou mais pessoas, pessoas em pé e ar livre

No ensejo do aniversário da cidade é preciso que cada ITAPETINGUENSE possa se questionar: por que tanto atraso diante de tantas potencialidades que possuímos? Temos a natureza ao nosso favor, estamos às margens do Rio Catolé e temos uma rica história. Somos fruto de uma das maiores bacias leiteiras da Bahia e criação de gado. Saímos da monocultura para a industrialização. Temos um forte potencial para a agricultura.  O turismo também é tesouro que não está sendo bem aproveitado.

A maioria dos prefeitos que passou por aqui reacendeu as esperanças dos mais de 75 mil habitantes a cada pleito eleitoral. Tem sido assim ao longo dos anos e, com a atual gestão, tem sido ainda pior. As promessas de campanha até hoje, com três anos de mandato, ainda não desceram do palanque.

A comunidade mais carente não pode usufruir dos postos de Saúde devido a falta de remédio. Com a incapacidade de gerir a pasta da saúde, a gestão não consegue atender a população de maneira adequada.

Nenhuma descrição de foto disponível.

A ausência da geração de renda expulsa os munícipes, sobretudo a juventude; O saneamento básico continua sendo um sonho e na zona rural as estradas precárias e os problemas de abastecimento persistem; Não há espaços públicos de lazer, pois a promessa de reabrir o Parque Zoo Matinha no primeiro semestre de governo ficou na gaveta, o parquinho da lagoa foi retirado, e na educação foram feitas apenas algumas reformas.

A imagem pode conter: pessoas sentadas, sapatos e ar livre

As obras inauguradas oportunamente no ano passado pela atual gestão foram iniciadas ou conveniadas pelo gestor anterior e algumas ações do governo Rodrigo Hagge propagandeadas na mídia comprada, na verdade, são falácias. O que comemorar então? Não há motivos. Há, porém, confiança na população deste município, na certeza de que Itapetinga ainda tem muito a prosperar.

As ruas dos bairros da nossa cidade estão em estado de calamidade publica, a cidade está tomada por buracos e cratera. A Usina Asfáltica doada pelo ex-deputado Lúcio Vieira Lima não concluiu se quer uma rua, e não funciona mais.

A imagem pode conter: uma ou mais pessoas, pessoas sentadas e texto

Os bairros ainda não pavimentados como: Hilda Gama, Vila Erica, Cidade Jardim, Vila Rosa, Quintas do Sul e Norte, Américo Nogueira e Quintas do Morumbi estão entregue aos buracos, matos e lixo.

A imagem pode conter: céu, nuvem, ar livre e natureza

Estes Bairros nos dias de estiagem e poeira durante 24 horas por dia, são os problemas enfrentados diariamente por moradores dos bairros. De acordo com os moradores, muitas ruas são de terra e muitos precisam limpar a frente das casas invadidas pela sujeira diariamente. Os moradores dos bairros também reclamam da situação precária em que se encontram as ruas. Eles sofrem com os buracos e com a lama que se forma principalmente quando chove.

A imagem pode conter: 2 pessoas, pessoas a sorrir, pessoas em pé

Por Fala Livre

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.