ITAPETINGA: APÓS COBRANÇA DOS VEREADORES SIBELE, VALDEIR E VALQUIRIO LIMA, PREFEITO MANDA DEMITIR SERVIDOR PÚLBLICO POR SUPOSTO ENVOLVIMENTO NO ESQUEMA DE DESVIO DE DINHEIRO NA COMUTRAN

Saiu no diário oficial da última sexta-feira (18), a demissão do servidor público municipal Márcio Antunes, envolvido em um suposto esquema de desvio de dinheiro público na Comutran, Coordenadoria Municipal de Trânsito.

O servidor era o responsável pelo setor financeiro da autarquia, órgão ligado a prefeitura. Na época a vereadora Sibele Nere (PT) de posse de vária informações, fez uma série de denuncias no plenário da Câmara, que acabou levando a abertura de uma sindicância.

O requerimento para apurar o suposto desvio de recursos na Comutran é dos vereadores Sibele Nery (PT) e Valdeir Chagas (PDT).

De acordo informações, a sindicância foi encerrada desde o final de dezembro do ano passado, mas o órgão não enviou o parecer para Câmara de Vereadores. Diante dessa situação, o Presidente da Casa Valquírio Lima (PSD), corroborando com as cobranças da parlamentar, estipulou um prazo para que a Comutran enviasse o documento à Câmara.

Inclusive na sessão da última quinta-feira (17), Valquirio Lima cobrou veementemente uma posição da autarquia. “Vamos tomar as providências, esperar essa semana, se eles vão enviar um documento para câmara, pois até hoje não deu resposta nenhuma oficial a câmara, e isso é um desrespeito a nós vereadores. Iremos tomar providências, formando uma comissão para tomar medidas, e que os secretários tenham respeito com essa casa, para, pelo menos responder os vereadores, disse Valquirão.

Em menos de 12 horas da fala forte e coerente do Presidente, para criar uma comissão e investigar o caso, o prefeito mandou editar uma portaria demitindo o servidor Márcio Antunes.

Por Wagner Ribeiro

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.