GOVERNADOR RUI COSTA PROMOVE ALINHAMENTO AO SALÁRIO MÍNIMO NAS POLÍCIAS CIVIL E MILITAR

Rui anuncia aumento do salário base para forças de segurança na Bahia

O Governo do Estado vai promover o alinhamento do saldo da Polícia Militar e do vencimento básico da Polícia Civil ao salário mínimo. Com essa medida, mais de 56 mil servidores da Segurança Pública terão significativos ganhos remuneratórios já em 2017 e em 2018. A informação foi divulgada pelo governador Rui Costa durante o #PapoCorreria, transmitido ao vivo pelas redes sociais, nesta terça-feira (7).

“Dentro de um período de dificuldades orçamentárias o governador teve uma visão ainda mais carinhosa com a segurança pública e seus servidores, ouvindo as categorias e mostrando mais uma vez que a área é prioridade na gestão”, declarou o secretário da SSP, Maurício Barbosa.

Ao todo serão contemplados 47,9 mil servidores da PM e 8,6 mil da PC. A medida do Governo vai gerar em 2018 um custo aos cofres públicos de, aproximadamente, 324 milhões ao ano. Os ganhos serão concedidos de forma escalonada: em novembro de 2017 e em novembro de 2018.

Na PM, serão contempladas todas as patentes, de soldados a coroneis. Já na PC, serão abrangidos investigadores, escrivães, peritos e delegados. Os ganhos salariais variam de 6,32 a 10,47%.

Com esta reestruturação, nenhum servidor da Segurança Pública terá soldo ou vencimento básico abaixo do salário mínimo, atendendo a um pleito das categorias. Confira o vídeo do anúncio neste link: https:https://youtu.be/aivAidkrgyg

One thought on “GOVERNADOR RUI COSTA PROMOVE ALINHAMENTO AO SALÁRIO MÍNIMO NAS POLÍCIAS CIVIL E MILITAR”

  1. Apesar das controvérsias dos “opositores”de ocasião, o progresso da Bahia na pessoa do humanitário governador Rui Costa,tem demonstrado a comunidade sua disposição poderosa de administrar,como um fenômeno, sendo identificado pelo país afora, até pelos seus opositores,sendo visto no ranking da probidade,ético e moral como um dos melhores administradores do bem público.
    Sem esses ajustes individuais, contemplando as classes profissionais sem distinção de categoria, crença raça ou cor, a Bahia cresce se destacando entre os demais estados, por que sem os ajustes, jamais haverá uma sociedade ajustada a desenvolver-se como um ser social.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.