CRIANÇAS E TIO MORREM SOTERRADAS EM DESLIZAMENTO DE TERRA EM ITAMARAJU

Crianças ao lado do pai, que sobreviveu à tragédia

Três pessoas de uma família, entre elas duas crianças, morreram após um deslizamento de terra atingir a casa em que estavam na madrugada chuvosa desta quarta-feira (8), na cidade de Itamaraju, na região Sul do estado. Outras três pessoas estavam no local e escaparam com alguns ferimentos. 

De acordo com moradores da região, no início desta manhã, o Corpo de Bombeiros resgatou dos escombros os corpos de uma menina de quatro anos, do irmão dela de oito anos, e de um tio. Todos dormiam em um dos quartos que foi coberto pela lama. Até o momento, não há identificação das vítimas. Os pais e um dos irmãos das crianças mortas sobreviveram à tragédia e estão sob cuidados médicos. 

 “No total, tivemos quatro casas soterradas, incluindo o imóvel da tragédia. As outras pessoas deixaram seus imóveis assim que a chuva começou pois estavam em áreas de risco. As consequências aqui foram muito grandes. Para se ter uma ideia, todos os bairros foram afetados de alguma forma. Possa ser que tenhamos mais casos pois ainda estamos fazendo um levantamento dos estragos”, declarou coordenador da Defesa Civil Vinícius Borges.

Por conta da forte chuva, vários pontos de Itamaraju ficaram alagados. Devido ao volume de água, as três únicas saídas de Itamaraju estão bloqueadas. De acordo com a Prefeitura, o Centro Nacional de Monitoramento e Alertas e Desastre Naturais (Cemaden) emitiu um alerta de nível alto.

 “A probabilidade de ocorrência de desastres é alta, assim como o seu impacto potencial para a população”, diz trecho. O órgão aponta ainda que deslizamentos são eminentes e estima-se que 2.152 pessoas em 538 moradias estejam expostas ao risco alertado. 

Na Bahia, cinco pessoas já morreram desde a chegada do fenômeno “La Nina”,  responsável por trazer chuvas acima da média para todo o Nordeste. Outras duas pessoas morreram em Itaberaba em enxurrada. Em Salvador, um homem ainda está desaparecido após pular em canal para salvar um cachorro no Rio Vermelho.

Tragédia
A chuva em Itamaraju começou por volta das 20h, mas se intensificou depois das 23h. O desabamento aconteceu no início da madrugada, na Rua Espírito Santo, área periférica, a cerca de 300 metros do centro da cidade. A cidade está em alerta e deve decretar estado de emergência nas próximas horas.

Imagens e vídeos enviados pelo Radialista Fabrício lima à redação do ‘Fala Livre’ mostram os estragos provocados pela força da água. Veja:

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.